Dicas de Hospedagem para Mochilão

Oi gente! Voltei. Faz um tempo que não escrevo, mas estou de volta. Já estou meio que no meio da viagem e já vi de tudo um pouco.

Algumas coisas mudaram depois que postei pela última vez, uma dessas coisas foi o roteiro. Ele ficou definido em Dublin, Londres, Amsterdão, Berlim, Praga, Munique, Málaga e Marselha. Como vou encontrar com uma amiga em Munique, acabamos decidindo conhecer as praias da Espanha e da França, e eu acabei prolongando minha viagem em 9 dias!

Enfim, como prometi no meu último post, vou falar um pouco mais sobre o planejamento com hospedagem, transporte e apps que usei pra planejar a viagem, começando pela hospedagem:

hostel Eu optei por ficar em albergues durante a viagem porque como vou viajar sozinha, essa é uma das melhores formas de conhecer outras pessoas. Acho que todos os quartos que reservei eram mistos, mas muitos albergues têm quartos femininos, masculinos ou privativos. O número de cama pode variar de 4 a 40 rs Depende da cidade, localização, preço, etc.

Durante meu planejamento, usei e abusei de 2 sites: Hostelworld.com e Booking.com. Acabei achando que em geral o Hostelworld.com tem preços melhores que o Booking.com, mas às vezes você pode encontrar descontos bem bacanas no Booking, por isso recomendo sempre checar os dois.


Se você está indo viajar com amigos ou em casal, uma outra ótima opção é o Airbnb.com. Caso você não conheça, nesse site pessoas de todo o mundo colocam suas casas, quartos ou camas disponíveis para aluguel. Muitas vezes compensa bastante pelo preço e é também uma forma de conhecer certos bairros ou ver como as pessoas de outros países vivem (caso tenha essa curiosidade, eu tenho rs). Eu já usei o airbnb várias vezes e em geral aprovei. O único problema tende a ser no começo, para se encontrar e se comunicar com o dono da casa, já que muitas vezes você como turista não tem um telefone disponível no exterior. Tirando isso, eu recomendo e voltarei a usar o serviço.


Já os mochileiros com orçamento bem bem apertado meeeesmo, têm como outra opção o site couchsurfing.com, em que pessoas “emprestam” seus sofás por alguns dias completamente de graça. Ainda não usei esse site, mas acho interessante e talvez use algum dia. Ah, é lógico que ambos os sites (airbnb e couchsurfing) têm um sistema de resenhas e confirmação de cadastro para que você possa agendar uma estadia com confiança.


Se está com um orçamento um pouco maior e quer ficar em hotel mesmo, um dos site que mais uso é o expedia.com. Ele tende a mostrar os melhores preços da net, mas ainda assim não deixo de pesquisar no Booking.com também 🙂

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s